Última hora

Última hora

Bélgica chocada aguarda provas de presumível assassino de duas meninas.

Em leitura:

Bélgica chocada aguarda provas de presumível assassino de duas meninas.

Tamanho do texto Aa Aa

As duas meninas encontradas mortas na Bélgica na quarta-feira, numa vala, foram estranguladas. Uma terá sido mesmo violada, segundo a procuradora do ministério público. O crime que chocou a Bélgica e traz de regresso à memória o caso do pedófilo assassino Marc Dutroux, vitimou desta vez duas crianças, uma de sete e outra de dez anos, respectivamente Stacy Lemmens e Nathaly Mahy.

A procuradora Anne Bourguignon diz que segundo o médico legista, exitem vários sinais de maus tratos sobre os corpos das meninas, nomeadamente na garganta. O único suspeito está detido porque tem antecedentes criminais, de violação de menores, álcool e drogas. A única prova que falta é comparar o DNA das meninas com a recolha de DNA do suspeito.

O único suspeito deste duplo homicidio é Abdellah Ait Oud, um marroquino de 38 anos. As análises de DNA só estarão concluidas na próxima semana. O suspeito poderá ser acusado de violação, rapto e homicídio. Mas o advogado do suspeito diz que a mediatização deste caso não pode interferir com a presesunção de inocência.

Mais de 20 mil pessoas já assinaram o livro de condolências e enviaram flores em nome de Stacy lemmens e Nataly Mahy.