Última hora

Última hora

Homenagem às vítimas do desastre de metro

Em leitura:

Homenagem às vítimas do desastre de metro

Tamanho do texto Aa Aa

Em memória dos que perderam a vida no desastre do metro de Valência. Na catedral da cidade espanhola decorreu uma cerimónia religiosa que contou com a presenca de pessoas de vários quadrantes da sociedade, como a família real e membros do governo.

O primeiro-ministro espanhol José Luís Rodriguez Zapatero interrompeu uma visita oficial à Índia para estar presente.

Uma homenagem às 41 pessoas que perderam a vida no desastre.

Muitos cidadãos rodearam a catedral e foram também bastantes os que colocaram velas e flores junto às entradas da estação de Jesus.

Também esta terça-feira foram cumpridos cinco minutos de silêncio, que foi cumprido um pouco por todo o país.

As autoridades regionais decretaram três dias de luto.