Última hora

Última hora

Sindicatos protestam contra pacote de austeridade

Em leitura:

Sindicatos protestam contra pacote de austeridade

Tamanho do texto Aa Aa

O remédio de cavalo que o primeiro-ministro hungaro receitou para o país mobilizou os sindicatos este sábado. Dois dias antes do parlamento se reunir para aprovar o pacote de austeridade prepaparado pelo socialista Ferenc Gyurcsany seis sindicatos decidiram mostrar um cartão amarelho ao chefe do governo.

A Hungria tem o maior défice público da União Europeia, cerca de 8 por cento do PIB e pretende reduzir este número em cinco pontos nos próximos dois anos para aderir ao euro em 2010. Os sindicalistas protestam contra as medidas anunciadas, nomeadamente as subidas dos preços e os cortes de postos de trabalho na função pública. A Hungria prepara-se para uma subida maciça dos impostos e para uma redução drástica da despesa pública.