Última hora

Última hora

Japão: Taxa de juro sobe pela primeira vez em 6 anos

Em leitura:

Japão: Taxa de juro sobe pela primeira vez em 6 anos

Tamanho do texto Aa Aa

O Banco do Japão subiu a taxa de juro de referencia pela primeira vez em em quase 6 anos. O governador do banco central nipónico, Toshihiko Fukui dá assim indicações de que a segunda maior economia do mundo vive um crescimento sustentado e de que terminou uma década de deflação.

A taxa de juro de referência no Japão sobe dum valor de praticamente zero para 0,25%, mesmo assim o mais baixo entre os países do G7. Nos Estados Unidos e no Reino Unido, outros membros do G7, as taxas de referência são respectivamente de 5,25% e de 4,5%. Na zona euro a taxa de juro interbancária a curto prazo é de 2,75%.

As opiniões quanto a esta subida da taxa de juro são positivas. Nas ruas de Tóquio um transeunte explicava que tinha todas as suas poupanças em moeda estrangeira porque as taxas de juro são maiores do que as do yen japonês. O yen desvalorizou-se face ao dólar depois do anúncio do Banco Central nipónico. A economia japonesa está em expansão há 5 anos e 5 meses, o mais longo período de crescimento desde a segunda metade dos anos 60.

Os analistas não acreditam que a “economia vá regressar a uma situação de deflação porque as empresas apresentam balanços sólidos e os bancos estão agora em melhor situação”. Ninguém acredita também que “o crescimento vá cair 1%”. A expectativa é “que no próximo ano o crescimento vá manter-se em torno de 1,5% e 2%”.

O investimento das empresas é o mais forte dos últimos 16 anos no Japão. O desemprego, o mais baixo dos últimos oito anos e em Junho os empréstimos concedidos pelos bancos tiveram o mais rápido crescimento da última década. Indicadores de que o sol regressa à economia nipónica.