Última hora

Última hora

Tsahal isola o Líbano

Em leitura:

Tsahal isola o Líbano

Tamanho do texto Aa Aa

O exército israelita intensifica as operações contra o território libanês. Visando pontes, estradas, linhas telefónicas e depósitos de combustível, o Tsahal pretende isolar o Líbano. Primeiro objectivo: libertar os dois soldados hebraicos raptados pelo Hezbollah, um acto considerado “de guerra” por Israel.

O governo israelita avisou que a ofensiva será longa. Ronnie Bar-On está satisfeito com os resultados obtidos pelos militares. Hoje, o ministro do Interior israelita ameaçou também de morte o líder do movimento xiita libanês, Hassan Nasrallah.

Israel aponta armas ao Líbano por ar, terra e mar. O Irão e a Síria foram ontem considerados um “eixo terrorista” pelos israelitas, que acusam os dois países de estarem na origem da escalada militar no Sul do Líbano pelo apoio ao Hezbollah. O presidente iraniano Mahmud Ahmadinejad avisou por seu lado que um ataque israelita contra a Síria obteria uma “resposta feroz” de Teerão.