Última hora

Última hora

Protestos em Damasco contra ofensiva israelita

Em leitura:

Protestos em Damasco contra ofensiva israelita

Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas protestaram esta segunda-feira em Damasco contra aquilo que consideram a agressão armada de Israel contra o Líbano. Os manifestantes solidarizaram-se com os libaneses e com o Hezbollah. A Síria e o Irão são acusados por Israel e pelos Estados Unidos de serem os principais apoiantes do movimento xiita libanês.

Além disso, Teerão e Damasco mantém um acordo de defesa mútua em caso de agressão externa. Por isso, apesar do Estado hebraico ter anunciado que não pondera atacar a Síria, o chefe da diplomacia iraniana chegou hoje a Damasco para analisar o conflito com o presidente Bachar al-Assad.

Manuchehr Mottaki propõe um cessar-fogo imediato para pôr cobro à ofensiva israelita. Para Mottaki, os soldados capturados pelo Hezbollah seriam trocados por prisioneiros libaneses detidos em Israel. Entretanto, a Síria já começou a enviar auxílio humanitário e reforçou o abastecimento de energia eléctrica ao Líbano. Diversos países árabes estão também a desbloquear fundos para apoiar Beirute.