Última hora

Última hora

Director-executivo da Vodafone enfrenta principais accionistas

Em leitura:

Director-executivo da Vodafone enfrenta principais accionistas

Tamanho do texto Aa Aa

A Vodafone anunciou esta segunda-feira que só nos primeiros 3 meses do ano registou mais 4 milhões e meio de novos clientes. De fora destas contas ficaram ainda os 90 mil novos clientes do mercado português que aderiram à operadora de telemóveis no segundo trimestre do ano.

Apesar dos resultados corresponderem às expectativas, o director-executivo da empresa, o norte-americano Arun Sarin deverá enfrentar esta terça-feira uma difícil reunião de accionistas. Alguns dos principais investidores discordam da estratégia de Sarin de tentar entrar no negócio dos telefones fixos e pretendem que se aposte mais no mercado de telemóveis onde o crescimento da Vodafone tem abrandado.

Por seu lado, o director-executivo diz que tem apoio suficiente dos accionistas e da administração para continuar a estratégia planeada. No final de Junho a Vodafone tinha cerca de 186,8 milhões de clientes. A empresa espera um crescimento nos lucros no final deste ano entre os 5 e os 6 e meio por cento.