Última hora

Última hora

Hoje é dia de voto no Congo

Em leitura:

Hoje é dia de voto no Congo

Tamanho do texto Aa Aa

Ao todo distribuiram-se, por toda a República Democrática do Congo, cerca de duas mil toneladas de boletins de voto. Para as eleições presidenciais e parlamentares que se realizam hoje. Cerca de 27 milhões, de um universo de 60 milhões de habitantes, estão inscritas nas listas eleitorais do país, que é do tamanho da Europa Ocidental.

São as primeiras eleições livres do desta república democrática, que há 40 anos saiu de um processo de colonização para cair nas mãos do ditador Mobutu. A terceira fase política do país iniciou-se com a presidência de Joseph Kabila, em 2002. Cerca de 50 mil observadores nacionais e internacionais vão tentar garantir a normalidade das eleições. Prevê-se a vitória de Joseph Kabila, o actual presidente. O seu mais próximo rival é Jean-Pierre Bemba, antigo líder de uma milícia.

Grupos milicianos continuam, precisamente, a diominar o leste do país mas a trégua acordada com a presidência vem dar mais garantias às populações dessa região para irem votar. A transição política, no Congo, começou a ser feita em 2003, depois de uma guerra regional de quase 5 anos que implicou 7 países africanos. Mais de 3 milhões de pessoas morreram nesse conflito.