Última hora

Última hora

Retomada a guerra no sul do Líbano

Em leitura:

Retomada a guerra no sul do Líbano

Tamanho do texto Aa Aa

No sul do Líbano combate-se, esta quarta-feira, em cinco frentes e o primeiro-ministro israelita, Ehud Olmert, garantiu que será assim até que uma força internacional enviada pela ONU chegue à região. Cerca de dez mil soldados do tsahal estão envolvidos nesta operação junto à fronteira, para fazer recuar e enfraquecer o Hezbollah, tendo chegado já às margens do rio Litani, 30 quilómetros no interior do terrotório libanês.

Israel quer colocar as mílícias do Hezbollah em terreno em que os seus roquetes não atinjam o Estado hebraico. A artilharia israelita não tem poupado as aldeias próximas da fronteira e a guerrilha responde com morteiros, roquetes anti-tanque e tiros de metrelhadora. O Hezbollah reivindica o abate de dois tanques israelitas, num incidente negado por Israel.