Última hora

Última hora

EUA querem resolução para o fim da guerra dentro de dois dias no máximo

Em leitura:

EUA querem resolução para o fim da guerra dentro de dois dias no máximo

Tamanho do texto Aa Aa

Os Estados Unidos querem aprovar a resolução que exige o fim das hostilidades no Líbano o mais depressa possível. A secretária de Estado norte-americana ignorou por completo a posição das autoridades libanesas que se traduz na rejeição do texto elaborado em conjunto com França para o cessar-fogo. Israel pede tempo mas não está contra o conteúdo do texto.

Em declarações aos jornalistas, Condoleezza Rice mostrou-se confiante na aprovação de uma resolução pelo Conselho de Segurança dentro de um ou dois dias. Quando questionada sobre por que razão a retirada das tropas israelitas não consta do documento, a responsável norte-americana explica que não espera uma saída dos soldados numa primeira fase.

Para Rice, o que interessa é que a resolução coloca um ponto final nas hostilidades, com as forças no terreno, mas exige que operações militares de maior envergadura, o lançamento de projécteis e a violência párem o mais rapidamente possível. Só depois de aprovada a resolução é se vai ver quem respeita o cessar-fogo e quem não o faz. Rice considera que as ofensivas militares que tornam difícil a vida da população têm de acabar.

Em 26 dias de conflito morreram mais de 900 civis libaneses e quase 40 civis israelitas.