Última hora

Última hora

Conferência ministerial da Liga Árabe em Beirute

Em leitura:

Conferência ministerial da Liga Árabe em Beirute

Tamanho do texto Aa Aa

Poucas horas depois de um violento bombardeamento no Sul de Beirute, os chefes da diplomacia encetaram uma conferência ministerial na capital libanesa onde deverão contestar o projecto de resolução franco-americano na ONU. Segundo o secretário-geral da Liga Árabe, Amr Moussa, a realização de uma cimeira extraordinária de países árabes é um dos assuntos em debate. O jornal libanês AL Safir afirma que essa reunião poderá ter lugar em Meca, nos próximos dias. O ministro sírio dos Negócios Estrangeiros quer que a cimeira sirva para tomar medidas concretas de apoio à “resistência libanesa”, uma alusão ao Hezbollah.

Em Nova-Iorque a votação da resolução no Conselho de Segurança foi entretanto adiada. Apesar do acordo entre a França e os Estados Unidos, o Líbano discorda do texto, o que inviabiliza a sua aplicação. Beirute pretende a emenda do projecto e ver as tropas israelitas abandonarem o sul do país.