Última hora

Última hora

Presidente sírio responsabiliza EUA por beligerância no Médio Oriente

Em leitura:

Presidente sírio responsabiliza EUA por beligerância no Médio Oriente

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente sírio Bachar al-Assad culpou hoje a administração Bush pela incapacidade de se obter uma paz duradoura no Médio Oriente. Assad, que discursava na abertura do Congresso de Jornalistas Sírios em Damasco, considerou também que o conflito contribuiu para fomentar o espírito de resistência libanês e aludiu aos propósitos ocultos da guerra.

“A guerra nada tem a ver com a captura dos dois soldados e isso o mundo reconhece. Não há qualquer ligação entre os dois factos. Havia um plano premeditado de conduzir uma guerra no Líbano e quem não conseguir ver isso tem problemas de visão”, afirmou Assad.

O presidente sírio, que louvou o Hezbollah pela resistência ao Estado hebraico, criticou a resolução 1701 por responsabilizar o movimento xiita libanês pela origem do conflito. Assad apelidou também Israel de inimigo e dispôs-se a recuperar os Montes Golã, nem que seja pela força das armas.