Última hora

Última hora

Regresso dos libaneses a casa provoca engarrafamentos no país

Em leitura:

Regresso dos libaneses a casa provoca engarrafamentos no país

Tamanho do texto Aa Aa

As estradas libanesas estão completamente engarrafadas. O regresso dos refugiados faz com que o fluxo de veículos em direcção ao Sul pareça não ter fim. Apesar do fim do confronto armado, a hostilidade face a Israel sente-se nos discursos. “Israel destruir as nossas casas. Matou as nossas crianças. Forçou-nos a abandonar as nossas terras. A paz com Israel não é possível, não podemos ser amigos”, diz uma mulher.

Outros, tudo o que querem é regressar a casa, deixando para trás os locais onde se refugiaram durante os bombardeamentos. Uma outra mulher deixa a escola, em Sidon, onde esteve refugiada e diz-se relaxada, “depois de um mês de sofrimento”, e encantada por poder regressar à sua casa. Durante a guerra, cerca de um milhão de pessoas – um quarto da população do Líbano – deixou as suas casas. Agora regressam. E o percurso entre Beirute e Tiro, demora mais de seis horas – seis vezes mais do que em tempo normal.