Última hora

Última hora

Exército libanês assume controlo do Sul do país pela primeira vez em 40 anos

Em leitura:

Exército libanês assume controlo do Sul do país pela primeira vez em 40 anos

Tamanho do texto Aa Aa

Os militares libaneses começaram a chegar ao Sul do Líbano. Esta quinta-feira, posicionaram-se em cerca de 30 cidades e vilas a Sul do rio Litani. É a primeira vez, em quarenta anos, que o exército libanês toma o comando desta zona fronteiriça. No total, Beirute prevê enviar 15 mil militares para o Sul do país. Nesta primeira fase, seis mil homens foram enviados para a região. A população deitou arroz e flores sobre as colunas militares que passavam, em sinal de celebração.

Mais de 100 camiões, tanques e jipes atravessaram o rio Litani, em direcção à cidade de Marjayoun, a oito quilómetros da fronteira com Israel e de maioria cristã. Oitocentos homens já estão na região. Aguardam os novos membros da força das Nações Unidas, que devem chegar na próxima semana. O general Alan Pellegrini, da Finul, diz que “a nova força será mais forte e contará com mais efectivos. Além disso, terá novas regras de compromisso para cumprir a tarefa para a qual foi mandatada.”

E o mandato da nova Finul implica o restabelecimento do controlo do Sul do Líbano por parte de Beirute. O exército israelita já começou a “transferir responsabilidades” na região, mas condiciona essa transferência ao reforço da Finul, que deverá passar dos actuais dois mil efectivos para 15 mil. A nova força internacional terá ainda a tarefa de controlar as fronteiras do país.