Última hora

Última hora

Naufrágio de barco clandestino na Itália provoca morte de 10 imigrantes ilegais

Em leitura:

Naufrágio de barco clandestino na Itália provoca morte de 10 imigrantes ilegais

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 10 imigrantes ilegais morreram hoje num naufrágio ao largo da ilha italiana de Lampedusa quando tentavam entrar na Europa.

O balanço é ainda provisório, uma vez que 40 pessoas continuam desaparecidas. A embarcação afundou-se a 10 milhas da ilha que fica entre a Sicília e a Líbia e que se tornou numa porta de entrada na União Europeia para os refugiados norte africanos.

É mais um caso que vem reforçar a necessidade já expressa pela Itália de obter maior cooperação internacional no combate à imigração clandestina.

O barco, de 10 metros, terá saído da Líbia com 120 imigrantes a bordo. A guarda costeira conseguiu resgatar 70 pessoas com vida porque se encontrava junto da embarcação quando o acidente aconteceu. As declarações dos sobreviventes relatam que quando os passageiros avistaram a marinha inclinaram-se abruptamente para um dos lados, fazendo voltar o barco.

Desde o início do ano, cerca de 10.000 clandestinos entraram em Lampedusa. A Comissão Europeia já propôs que os 25 criem uma força de reacção para lidar com fluxos súbitos de imigrantes ilegais.