Última hora

Última hora

TAK reivindica todos os atentados dos últimos dois dias contra o turismo turco

Em leitura:

TAK reivindica todos os atentados dos últimos dois dias contra o turismo turco

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades turcas, em alerta geral, sobretudo nas zonas turísticas, procuram pelo menos dois suspeitos do atentado de ontem em Antália. A polícia diz ainda ter evitado um ataque em Izmir, no Oeste. Face às cinco deflagrações dos últimos dois dias e apesar das novas ameaças dos separatistas curdos contra o turismo turco, poucos são os turistas que anulam a viagem, mesmo se algumas agências o propõem fazer gratuitamente. Um turista diz que têm de contar com a sorte. Explica que não cancela a viagem, apesar do risco, mas sente-se seguro e confia nos serviços se segurança, na polícia. Outro afirma que ontem estiveram a estudar as possibilidades, partir, adiar ou ficar. Mas decidiram partir pois talvez não tenham outra hipótese como esta.

Foram cinco atentados em menos de 24 horas, que provocaram pelo menos quatro mortos e cerca de uma centena de feridos, incluindo estrangeiros. Os ataques em Antália, Marmaris e Istambul foram reivindicados pelos separatistas curdos dos Falcões da Liberdade do Curdistão, TAK, que se atacam como prometido à importante indústria turística turca. No ano passado, o sector gerou 15 mil milhões de euros, mas este ano regista-se uma queda de mais de 6% na taxa de frequentação.