Última hora

Última hora

Gigante do alumínio vai nascer na Rússia

Em leitura:

Gigante do alumínio vai nascer na Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

Na Rússia vai formar-se o maior produtor de alumínio do mundo. A Rusal, a maior empresa do sector no país vai comprar o seu maior concorrente, a SUAL e ainda o negócio de alumínio da suíça Glencore. Um negócio que permite a Rusal ultrapassar a Alcoa e a Alcan para se assumir como maior produtor de alumínio no mundo.

A transacção que deve estar concluída em Outubro vai criar uma companhia avaliada em cerca de 30 mil milhões de dólares, mais de 23 mil milhões de euros. O novo gigante será detido a 64,5% pela Rusal, a Sual fica com 21,5% e os restantes 14% serão da Glencore. O negócio insere-se na estratégia do Kremilin de consolidar os sectores da energia e do metal.

A luz verde para a compra terá sido dada por Vladimir Putin a Oleg Deripaska, o patrão da Rusal, numa reunião que o presidente russo teve com o empresário de 38 anos no início deste mês. A nova companhia terá capacidade para produzir 4 milhões de toneladas de alumínio por ano, um número próximo dos 5 milhões de toneladas/ano que a Rusal quer estar produzir em 2013. Este negócio confirma o renascimento da Rússia enquanto grande potência mundial em especial no sector da energia e na produção de produtos estratégicos. Graças à escalada do preço do petróleo os cofres russos voltam a encher-se