Última hora

Última hora

BCE mantém taxas de juro nos 3%

Em leitura:

BCE mantém taxas de juro nos 3%

Tamanho do texto Aa Aa

O Banco Central Europeu não vai para já subir as taxas de juro. O preço do dinheiro na zona euro mantém-se assim nos 3%. O anúncio foi feito no final da reunião desta quinta-feira do BCE que também preparou o terreno para uma possível subida da taxa directora em Outubro, algo que se pode depreender das palavras de Jean Claude Trichet. A evolução da inflação será determinante para este processo.

O presidente do BCE disse que “é essencial que as expectativas para a inflação se mantenham firmemente ancoradas em níveis consistentes com a estabilidade dos preços” e que irá continuar a existir uma apertada “vigilância para assegurar que os riscos para a estabilidade dos preços são contidos”.

A manutenção do valor da taxa directora era esperado pelos analistas que continuam a contar com mais duas subidas de um quarto de ponto este ano para se chegar ao final de Dezembro com uma taxa de referência de 3,5%. O facto da inflação ter abrandado de 2,4% para 2,3% em Agosto retirou alguma pressão das autoridades quanto à necessidade de subir já os juros para controlar a subida dos preços. “Vigilância” é uma palavra que Trichet tem utilizado sempre antes de um aumento das taxas de juro, algo que os analistas pensam que vai acontecer na próxima reunião do BCE, no dia 5 de Outubro, em Paris.