Última hora

Última hora

Palestinianos à espera da ajuda internacional

Em leitura:

Palestinianos à espera da ajuda internacional

Tamanho do texto Aa Aa

A comunidade internacional comprometeu-se em Estocolmo a contribuir com cerca de 390 milhões de euros, para ajuda aos palestinianos. O coordenador das questões humanitárias da ONU, Jan Egeland, considerou que “é tempo de se por termo à crise humanitaria e social que se vive em Gaza e na Cisjordânia”.

Os territórios palestinianos atravessam uma das suas piores crises económicas, devido à suspensão no início do ano das ajudas da União Europeia e dos Estados Unidos. O corte pretendia pressionar o governo do Hamas a renunciar à violência e a reconhecer Israel. A supressão foi mais tarde aliviada mas as verbas transferidas para ajuda humanitária directa ao povo palestiniano são consideradas insuficientes pelas agências humanitárias no terreno.