Última hora

Última hora

Doze mortos na mina de ouro de Darasun, 22 homens permanecem no interior

Em leitura:

Doze mortos na mina de ouro de Darasun, 22 homens permanecem no interior

Tamanho do texto Aa Aa

O incêndio que ontem deflagrou na mina de ouro de Darasun, em Chita, na Sibéria Oriental, provocou pelo menos 12 mortos, 11 dos quais já foram retirados da estrutura. Há ainda mais de 20 homens no interior, já que as equipas de socorro no terreno não têm meios técnicos suficientes para evacuar a mina.

Esperam que uma equipa de 40 especialistas chegue de Moscovo para ajudar na recuperação dos cadáveres e de quem estiver vivo. O incêndio no interior da mina continua a lavrar. Um mineiro explica que estavam a realizar trabalhos de soldadura quando as chamas irromperam pelo poço principal. Havia muito fumo, os que tiveram sorte conseguiram escapar, outros, como o irmão, continuam lá dentro.

No interior da mina de ouro, que fica perto de Chita a 5 000 km de Moscovo, estão ainda 22 mineiros, não se sabe se vivos ou mortos, já que não foi possível até agora estabelecer qualquer tipo de comunicação. A entidade reguladora do funcionamento das minas na Rússia alertou para o facto de terem sido detectadas violações das normas de segurança.