Última hora

Última hora

Terror numa escola de Montreal

Em leitura:

Terror numa escola de Montreal

Tamanho do texto Aa Aa

Um homem armado, vestido de negro, com uma espingarda automática irrompeu no Dawson College, no centro da cidade, e começou a disparar indiscriminadamente. De acordo com testemunhas, iniciou o ataque no exterior e depois deslocou-se para a cafetaria. Pelo menos uma estudante morreu e 19 pessoas ficaram feridas, 6 das quais encontram-se em estado grave.

O autor dos disparos acabou por ser abatido pela polícia, que confirmou haver apenas um homem armado e não dois ou três como se chegou a supor. No início as informações sobre o número de mortos eram confusas. Alguns meios de comunicação social canadianos chegaram a adiantar que 4 pessoas tinham perdido a vida e que duas delas seriam os agressores.

O ataque teve início por volta da 12:45 da tarde, quando eram 17:45 em Lisboa e durou meia hora. Durante o dia, frequentam este estabelecimento de ensino cerca de 7 mil estudantes. Esta tragédia faz lembrar o tiroteio de 1989 quando um homem matou 13 mulheres no instituto politécnico de Montreal, antes de se suicidar.