Última hora

Última hora

A Alemanha aprovou o envio de 2400 militares para o Líbano

Em leitura:

A Alemanha aprovou o envio de 2400 militares para o Líbano

Tamanho do texto Aa Aa

O contigente alemão vai reforçar o cessar-fogo entre o Hezbolah e Israel no país participando na força de manutenção de paz das Nações Unidas. As tropas alemãs vão comandar a força naval que tem como principal missão patrulhar a costa libanesa e bloquear o possível envio de armamento para as guerrilhas islâmicas.

A decisão de enviar homens para o conflito no médio oriente foi precedida de um intenso debate no Bundestag. O governo alemão recusou-se a enviar tropas terrestres para evitar o possível confronto entre tropas alemãs e israelitas, tendo em conta o passado Nazi do país e evitando remexer memórias do Holocausto.