Última hora

Última hora

Acidentes mortais em minas da ex-URSS

Em leitura:

Acidentes mortais em minas da ex-URSS

Tamanho do texto Aa Aa

Duas minas de carvão criadas durante o período da antiga União Soviética foram palco de acidentes mortais. No Cazaquistão, uma explosão sacudiu a mina Lenine na região de Karaganda e desencadeou um incêndio a 500 metros de profundidade. Eram 9 horas da manhã locais. Na altura trabalhavam na galeria cerca de 360 mineiros. Pelo menos 44 pessoas perderam a vida e várias outras ficaram feridas.

O balanço ainda é provisório e receia-se que o número de vítimas mortais seja superior. A mina pertence à siderurgia Mittal Steel. Na Ucrânia verificou-se um outro acidente com consequências trágicas. Em Donetsk, numa mina de carvão, uma fuga de gás à base de metano a um quilómetro de profundidade provocou a morte por intoxicação a 13 pessoas. O acidente ocorreu às 5 da manhã.

Dotadas de equipamentos ultrapassados, as minas ucranianas são das mais perigosas do mundo.