Última hora

Última hora

Manifestantes entregam petição no parlamento

Em leitura:

Manifestantes entregam petição no parlamento

Tamanho do texto Aa Aa

Alguns nomes famosos da Hungria constam da petição que um grupo de manifestantes foi entregar ao parlamento esta segunda-feira. Os signatários apelam à criação de uma assembleia constitucional e à formação de um executivo de unidade nacional. Esta é mais uma forma de pressão sobre o primeiro-ministro Ferenc Gyurcsány que recusa demitir-se.

A posição do chefe do executivo, reiterada no domingo, é reforçada pelo lento esvaziar dos protestos e pelas divisões entre os manifestantes. A própria petição é disso exemplo já que muitos dos que continuam acampados na praça em frente do parlamento discordam desta forma de actuação, demasiado “política”. Por outro lado, o principal partido da oposição, o Fidesz, de centro-direita, desconvocou uma concentração agendada para este fim-de-semana. É que o seu lider, Viktor Oban, não pretende ficar associado aos distúrbios entretanto registados. Contudo os manifestantes prometem não desmobilizar antes das eleições municipais do próximo domigo, tidas como o verdadeiro teste para Ferenc Gyucsány.