Última hora

Última hora

Bush pressionado a divulgar relatório secreto

Em leitura:

Bush pressionado a divulgar relatório secreto

Tamanho do texto Aa Aa

“A guerra no Iraque converteu-se numa causa célebre” para os extremistas islàmicos e alimenta um profundo ressentimento contra os Estados Unidos no mundo”. É o que diz um relatório secreto dos Serviços de Informação norte-americanos parcialmente revelado. Depois de vários dias de críticas suscitadas por fugas de informação de partes do documento na imprensa o Presidente autorizou a sua publicação parcial mas defende que os críticos que acreditam que a guerra no Iraque alimentou o terrorismo são “ingénuos e estão equivocados”.

Segundo o texto a guerra no Iraque está a dar forma a uma nova geração de líderes e de operacionais terroristas”.
Os mais destacados analistas dos Serviços de Inteligência norte-americanos concluem que, apesar dos sérios danos à liderança da Al-Qaida, a ameaça dos extremistas islàmicos aumentou tanto numericamente como em alcance geográfico.
Este cenário pode custar a maioria a Bush no escrutínio de 7 de Novembro para o Congresso. A oposição democrata não perde tempo. Hillary Cliton diz sobre a Guerra no Iraque que os Estados Unidos “estão no caminho errado e o problema deve ser debatido pelo Congresso e por todo o pais”. No relatório haverá ainda referências à situação dos soldados norte-americanos no Iraque informações que Bush se comprometeu a revelar mas só depois das eleições.