Última hora

Última hora

IRA deixou de ser organização terrorista, diz relatório

Em leitura:

IRA deixou de ser organização terrorista, diz relatório

Tamanho do texto Aa Aa

O IRA deixou de ser uma organização terrorista e já não representa uma ameaça . É o que afirma o ministro britânico para a Irlanda do Norte que fala de uma “mudança histórica” no seio do Exército Republicano Irlandês. As declarações de Peter Hain surgem a poucas horas da apresentação de um relatório sobre o processo de paz no Ulster. A comissão independente de Controlo deverá anunciar hoje que o IRA pôs fim às suas actividades criminosas e para-militares.

As conclusões do relatório vão estar no cerne de uma cimeira que reunirá este mês Tony Blair, o primeiro-ministro irlandês Bertie Ahern e representantes dos partidos políticos da Irlanda do Norte. O objectivo do encontro é restabeler o executivo norte-irlandês composto por católicos e protestantes. 24 de Novembro é a data limite fixada por Londres e Dublin para se encontrar uma solução de governo partilhado para o Ulster.

O parlamento composto por partidos protestantes favoráveis a uma ligação estreita com a Grã-Bretanha e formações católicas que defendem uma Irlanda Unificada está suspenso desde 2002. Caso não se chegue a um acordo, a Irlanda do Norte será governada por Londres com a participação de Dublin.

O relatório da comissão independente deverá ainda afirmar que o Sein Fein, braço político do IRA, respeita a via da não violência que o partido proclamou em Julho de 2005.