Última hora

Última hora

Milhares prestam última homenagem a Politkovskaia

Em leitura:

Milhares prestam última homenagem a Politkovskaia

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia prestou esta terça-feira uma última homenagem à jornalista Anna Politkovskaia num cemitério de Moscovo três dias depois do seu assassínio. Milhares de cidadãos, jornalistas e defensores dos direitos humanos participaram no funeral da jornalista assassinada sábado no prédio onde residia em Moscovo.

O corpo de Anna Politkovskaia, de 48 anos, vai ser sepultado no cemitério Troiekurovskoe, a oeste de Moscovo, e vão ser realizadas cerimónias em São Petersburgo, Ekaterinburgo, no Oural e em Kiev. Mensagens de condolências do mundo inteiro
continuaram a chegar à redacção do Novaia Gazeta, onde a jornalista trabalhava desde 1999.

A União dos Jornalistas russa pediu numa carta aberta enviada ao presidente Vladimir Putin, que se envolva pessoalmente no inquérito para descobrir os responsáveis pelo assassínio da jornalista. Certo é que Putin não foi nem enviou qualquer representante seu ao funeral. De acordo com o jornal russo Komsomolskaia Pravda, que cita fontes que participam no inquérito, um grupo de cinco pessoas esteve implicado no assassínio. Anna Politkovskaia é a terceira jornalista russa assassinada este ano.