Última hora

Última hora

Olmert pede a Putin firmeza em relação ao Irão

Em leitura:

Olmert pede a Putin firmeza em relação ao Irão

Tamanho do texto Aa Aa

Ehud Olmert, encontrou-se esta quarta-feira com o presidente russo Vladimir Putin, a primeira deslocação à Rússia desde que foi eleito primeiro-ministro israelita e que coincide com o décimo quinto aniversário do restabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países.

Em cima da mesa estiveram temas como o programa nuclear iraniano. Israel quer que Moscovo apoie sanções mais duras contra Teerão. Outro dos pontos de discussão foi a venda de armas russas à Síria, armas que segundo o estado hebreu acabaram nas mãos do Hezbollah.

Olmert fez questão de relembrar as recentes declarações de Mahmud Ahmadinejad, o presidente iraniano, sobre o Estado hebraico, de acordo com as quais Israel devia desaparecer do mapa. Em relação ao governo palestiniano, Putin afirmou que enquanto membro do Quarteto de Madrid, juntamente com a União Europeia, os Estados Unidos, e a ONU, a Rússia vai fazer os possíveis para contribuir para uma solução para o conflito israelo-palestiniano, para que a região viva em paz.

Quanto ao programa nuclear iraniano, os russos, parceiros de Teerão no programa civil, não vêem uma ameaça iminente na república islâmica e continuam a trabalhar na construção do reactor de Bouchehr que deve ficar pronto no próximo ano. Aliás, segundo responsáveis norte-americanos e europeus, será permitido à Rússia continuar a trabalhar neste projecto de 800 milhões de euros, de forma a que Moscovo deixe de bloquear as sanções da ONU ao Irão.