Última hora

Última hora

Presidente israelita deveria suspender mandato

Em leitura:

Presidente israelita deveria suspender mandato

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente de Israel, Moshe Katsav, deveria suspender provisoriamente o mandato enquanto decorre o inquérito sobre os seus alegados crimes de índole sexual. A recomendação foi efectuada pelo procurador geral do Estado hebreu Menachem Mazuz. De acordo com a Rádio Israel, o jurista respondeu a um pedido do Supremo Tribunal que pretendia conhecer a sua opinião nesta matéria, não tendo portanto carácter coercivo.

Várias mulheres que trabalharam para o político de 60 anos, na Presidência ou no ministério do Turismo, apresentaram queixa por violação ou assédio sexual. A polícia afirma deter provas suficientes para que o caso seja levado a tribunal. Katsav nega as acusações.