Última hora

Última hora

Gazprom quer duplicar preço do gás natural para a Geórgia

Em leitura:

Gazprom quer duplicar preço do gás natural para a Geórgia

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia e a Geórgia estão de costas voltadas em relação ao preço do gás natural a pagar por Tbilissi.

A Gazprom pretende que, a partir de 2007, a Geórgia passe a pagar 230 dólares por mil metros cúbicos de gás natural, mais do dobro do preço actualmente cobrado e próximo do valor pago pelos países da Europa ocidental.

Os desentendimentos entre Moscovo e Tbilissi não são de hoje e prendem-se sobretudo com questões políticas.

Por isso, em Moscovo onde se reuniu com Serguei Lavrov, o chefe da diplomacia georgiana Gela Bezhuashvili questionou-se sobre as verdadeiras motivações deste aumento.

“Espero que as razões para esta imposição de preços sejam menos políticas do que comerciais. E espero também que tenhamos uma explicação clara para esta fórmula de cálculo dos preços.”

No Inverno passado, durante uma vaga de frio, a Geórgia sofreu cortes no abastecimento de energia.

A Gazprom atribuiu a falha a problemas técnicos, mas este ano já garantiu a Tbilissi que, tanto o gás natural, como a electricidade, não irão sofrer cortes.