Última hora

Em leitura:

Jovens suspeitos de incêndio de autocarro vão a tribunal


mundo

Jovens suspeitos de incêndio de autocarro vão a tribunal

Os cinco adolescentes, suspeitos da autoria do incêndio de um autocarro em Marselha, compareceram hoje em tribunal, onde deverão ser formalmente acusados. Os jovens, com idades entre os 15 e os 17 anos, foram detidos na terça-feira de madrugada num bairro dos subúrbios de Marselha, próximo do local onde o autocarro foi incendiado.

Fonte próxima do inquérito revelou que alguns já terão confessado o crime. Na sequência do incêndio, uma estudante de origem senegalesa de 26 anos ficou com queimaduras em mais de 60% do corpo e continua entre a vida e a morte na unidade de queimados do hospital de Marselha, no sul de França.

O ministro do Interior Nicolas Sarkozy defendeu que, no caso de jovens reincidentes, a inimputabilidade pelo facto de serem menores devia ser abolida. Se assim for decidido neste processo e caso a vítima sobreviva, mas fique com incapacidade permanente, os suspeitos incorrem numa pena de 30 anos de cadeia. Se a vítima morrer, poderão ser condenados a prisão perpétua.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Mais palestinianos morrem vítimas da incursão israelita "Nuvens de Outono" na Faixa de Gaza