Última hora

Última hora

Vitória republicana ameaçada pelas críticas ao iraque

Em leitura:

Vitória republicana ameaçada pelas críticas ao iraque

Tamanho do texto Aa Aa

O tema quente do momento nos Estados Unidos está a ameaçar a maioria republicana a poucos dias das eleições para o congresso. No entanto o presidente George W. Bush continua a manter firme a sua convicção de que o debate sobre o Iraque não vai impedir a vitória. Em Montana, para ilustrar a sua desconfiança nas sondagens, Bush fez uma alusão ao que se passou em 2004, quando, segundo ele, os democratas estavam já a escolher escritórios na Casa Branca antes do escrutínio e no fim foram os republicanos que saíram vencedores.

A presença norte-americana no território tem gerado inúmeras críticas à Administração. Segundo uma sondagem realizada pelo jornal New York Times, este é mesmo o tema que lidera as preocupações dos eleitores.

Mais de 20 mil soldados estão a ser tratados nos Estados Unidos por ferimentos gerados. Enquanto combatiam na região. O número de baixas está constantemente a ser actualizado, estima-se que desde a ocupação mais de 2.800 militares norte-americanos ali tenham encontrado a morte. Aproveitando as notícias de que o mês de Outubro foi o mais mortífero do ano, os democratas tornaram estas eleições num referendo sobre o Iraque.

No escrutínio da próxima terça-feira o eleitorado vai renovar a totalidade da Câmara dos Representantes e um terço dos senadores.