Última hora

Última hora

Militantes do Hamas ameaçam com mais ataques de mísseis

Em leitura:

Militantes do Hamas ameaçam com mais ataques de mísseis

Tamanho do texto Aa Aa

O quarto dia de ofensiva militar na faixa de Gaza é marcado por pelo menos mais quatro mortes. Um dos ataques aéreos israelitas realizados esta manhã visou a viatura de um alegado membro do braço armado do Hamas em Gaza, pelo menos uma pessoa morreu e outras quatro ficaram feridas.

Na cidade de Beit Hanun, ocupada pelos militares, um civil foi encontrado morto numa casa visada por um tiro de morteiro, outro, um alegado membro do Hamas foi abatido por atiradores de elite. Em Jabalia uma pessoa morreu e quatro ficaram feridas na sequência de confrontos com os militares.

Israel afirma que todos os palestinianos abatidos são combatentes armados, no entanto entre as quase 40 mortes desde o início da operação, a maioria serão alegadamente civis. A maior operação militar desde a retirada israelita da Faixa de Gaza tem por objectivo evitar o lançamento de mísseis artesanais contra alvos israelitas.

Centenas de pessoas manifestaram-se esta manhã junto ao parlamento palestiniano em Gaza contra a operação militar. Um grupo armado palestiniano anunciou que vai aumentar os ataques de mísseis Qassam em resposta à ofensiva na Faixa de Gaza.