Última hora

Última hora

Rumsfeld pode ser processado por "responsabilidade em casos de tortura"

Em leitura:

Rumsfeld pode ser processado por "responsabilidade em casos de tortura"

Tamanho do texto Aa Aa

O secretário da defesa dos Estados Unidos cessante, Donald Rumsfeld, pode vir a ser julgado por alegados abusos a prisioneiros de Abu Grahib e Guantanamo. A queixa foi apresentada hoje na Alemanha por uma organização de activistas dos direitos humanos, ao abrigo de uma lei germânica que permite o julgamento de crimes de guerra independentemente do país onde foram cometidos.

Michael Ratner, presidente do centro dos direitos constitucionais em Nova Iorque, chama a atenção para o facto de as circunstâncias serem especiais, dada a inexistência das repercussões políticas que o caso teria se Rumsfeld ainda estivesse à frente do pentágono.

Por detrás desta queixa estão 12 alegadas vítimas de tortura: 11 iraquianos e um outro indivíduo identificado pelos estados unidos como participante nos ataques do 11 de Setembro. Nenhuma fonte oficial dos Estados Unidos comentou ainda as informações. O Governo tem sempre negado o uso da tortura e diz que são praticadas técnicas de interrogatório correctas à luz da lei internacional.