Última hora

Em leitura:

Air France-KLM prepara filial de baixas tarifas


empresas

Air France-KLM prepara filial de baixas tarifas

A Air France-KLM vai entrar no jogo das “low cost”. O aeroporto de Orly, em Paris, vai ser a base da nova transportadora de baixas tarifas detida pelo grupo franco-holandês, caso a ideia vá avante. A futura transportadora vai ser fundada com base numa actual filial da KLM, a Transavia. Esta filial, que actualmente oferece voos regulares e charters a baixos custos, ficaria com 40% da nova operadora e o resto seria controlado pela Air France.

A transportadora francesa ganha assim uma arma contra a concorrência da easyJet e da Ryanair, líderes europeus no sector das “low cost”, que têm vindo a tirar clientela nos voos regionais.

A Ryanair ocupa o primeiro lugar nesta classificação, com 39 milhões de passageiros transportados nos primeiros nove meses deste ano, seguida pela easyJet e pela alemã Air Berlin.

Em França, mais que as companhias de baixas tarifas, o TGV é o principal concorrente da Air France, ao oferecer ligações rápidas entre Paris e outras cidades, quer no país quer no estrangeiro.

Com o lançamento de uma “low cost”, a Air France consegue competir em termos de tarifas no que toca aos percursos mais curtos, o que até agora não tem conseguido.

A nova companhia vai ser equipada com aviões Boeing 737 e vai servir vários destinos na Europa e no norte de África. O negócio vai ter que ser aprovado pelo conselho de administração, no dia 22 deste mês.

Saiba mais:

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

empresas

MAN formaliza oferta à Scania