Última hora

Última hora

Ford satisfeita com rescisões voluntárias

Em leitura:

Ford satisfeita com rescisões voluntárias

Tamanho do texto Aa Aa

A Ford atingiu parcialmente o objectivo que se tinha proposto, em termos de redução de postos de trabalho nos Estados Unidos. 38.000 empregados da construtora automóvel norte-americana aceitaram já o plano de rescisões voluntárias. A empresa, em processo de reestruturação, tinha fixado como objectivo atingir os 30.000 cortes no quadro de operários, na América do Norte, até 2008. Actualmente, as fábricas do grupo nesta região do globo empregam 75.000 pessoas.

É uma vitória para o novo presidente do grupo, Alan Mulally, numa altura em que as contas derrapam. No terceiro trimestre do ano, a Ford teve um prejuízo antes de impostos de 4,6 mil milhões de euros, um descalabro em relação aos números dos dois primeiros trimestres, depois de um lucro de 1,6 mil milhões no total de 2005. Além desta redução no número de operários, a Ford quer também reduzir em 10.000 o número de empregados administrativos.