Última hora

Última hora

Continuidade de Chavez decidida nas urnas

Em leitura:

Continuidade de Chavez decidida nas urnas

Tamanho do texto Aa Aa

Hugo Chavez passa, este domingo, nas urnas, o teste do eleitorado. O presidente da Venezuela apresentou-se a um segundo mandato de seis anos e segundo as sondagens tem fortes probabilidades de ser reeleito. Quando votou esta manhã, próximo do palácio presidencial de Miraflores, em Caracas, manifestou-se confiante e pediu aos candidatos que aceitem os resultados com maturidade política.

Um recado para o seu principal opositor Manuel Rosales, que votou durante a tarde em Maracaíbo, a capital do estado de que é governador. Rosales é um liberal à frente de uma coligação de mais de 40 partidos.

16 milhões de eleitores votam para escolher o presidente, numa lista de 14 candidatos.

As assembleias estão equipadas com modernos sistemas de voto electrónico e o escrutíno está a ser acompanhado por centenas de observadores da União Europeia e da Organização dos Estados Americanos, mas os resultados poderão demorar algum tempo a ser conhecidos uma vez que, segundo a lei eleitoral da Venezuela, os media só poderão anunciá-los depois de oficialmente comunicados pela Comissão Nacional de Eleições.