Última hora

Última hora

Exército libanês tenta securizar Beirute

Em leitura:

Exército libanês tenta securizar Beirute

Tamanho do texto Aa Aa

A segurança foi reforçada em Beirute depois da morte esta madrugada de um manifestante xiita. Este incidente faz aumentar o receio de uma explosão de violência sectária numa altura em que a oposição pró-síria liderada pelo Hezbollah xiita intensifica as manifestações para conseguir a queda do governo de Fouad Siniora.

As medidas de segurança foram particularmente aumentadas nos bairros sunistas ontem palco de confrontos e onde se resgistou a morte do manifestante xiita. Mantidos pelo exército libanês a uma distância de 100 metros da sede do governo os manifestantes preparam-se para o quarto dia de concentração.

Esta segunda-feira bancos e casas comerciais não abriram portas nos bairros centrais de Beirute apesar da presença dos militares. Foi o que se passou na praça Riad Sohl, em frente do palácio do governo, e na vizinha Praça dos Mártires onde foram instaladas cerca de uma centena de tendas.