Última hora

Última hora

Golpe de Estado nas Fiji

Em leitura:

Golpe de Estado nas Fiji

Tamanho do texto Aa Aa

Está em curso um golpe de Estado militar nas ilhas Fiji. A informação já tinha sido denunciada pelo primeiro-ministro do território e foi agora confirmada pela chefe do executivo neozelandês, Helen Clark. Até ao momento não há sinais de violência. As forças militares cercaram a residência do líder do governo, Laisenia Quarase, mantendo-o preso em casa, após confiscarem os veículos do dirigente. São cerca de 40 tropas armadas.

O presidente das Fiji disse em comunicado que não aprova a acção militar, contrariando as informações inicialmente fornecidas por Clark. O arquipélago, situado na Oceânia, já sofreu três golpes de Estado desde 1987.

O comandante Frank Bainimarama já ameaçou várias vezes deitar abaixo o governo de Quarase, alegando suspeitas de corrupção. As Nações Unidas avisaram o chefe militar para não avançar com o golpe com receio de que este possa prejudicar a frágil economia das Fiji. Entretanto a Austrália recusou ao primeiro-ministro intervir militarmente a favor do executivo.