Última hora

Última hora

Apoiantes do Hezbollah mantém pressão ao governo

Em leitura:

Apoiantes do Hezbollah mantém pressão ao governo

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo sétimo dia consecutivo a oposição libanesa liderada pelo Hezbollah mantém o braço-de-ferro com o governo de Fouad Siniora. Milhares de apoiantes do grupo radical xiita, mantém-se sitiados na praça dos Mártires, no centro de Beirute, para obrigar o governo a demitir-se. Os manifestantes que passaram mais uma noite junto à sede do governo libanês recomeçaram a gritar palavras de ordem hostis ao Primeiro-ministro, Fouad Siniora.

Confrontos entre partidários da oposição e do executivo causaram na segunda-feira um morto e quatro feridos. O regresso da violência interconfessional que conduza o país a uma nova guerra civil é receio rescente. O Líbano vive uma crise política após a demissão de seis ministros, cinco dos quais representavam formações xiitas que desencadeou as manifestações da oposição, decidida a derrubar o actual governo e formar um executivo de unidade nacional.