Última hora

Última hora

Taxa de desemprego sobe nos EUA

Em leitura:

Taxa de desemprego sobe nos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

Nos Estados Unidos, o desemprego mantém-se próximo dó mínimo de doze meses atingido em Outubro. A criação de emprego aumentou de ritmo, em Novembro, mas a taxa subiu ligeiramente relativamente ao mês anterior. Ao todo, foram criados 132.000 novos postos de trabalho nos sectores secundário e terciário. Depois de várias descidas consecutivas, entre Julho e Outubro, a taxa de desemprego voltou a subir e é agora de 4,5%, depois dos 4,4% registados em Outubro.

O sector dos serviços foi o único a registar um aumento no número de postos de trabalho, com a criação de 172.000 novos empregos. Já a indústria perdeu 40.000 empregos, enquanto a construção civil viu desaparecerem 29.000 postos de trabalho. Este sector continua assim o declínio. Em Outubro tinha já perdido mais de 20.000 postos.

As estatísticas de Outubro foram, entretanto, revistas em baixa. A criação de novos empregos foi de 79.000 e não de 92.000, como tinha sido anunciado. Estes números criam um ambiente favorável a uma nova subida das taxas de juros da Reserva Federal, que se vai reunir na próxima semana.

Os analistas acreditam que a situação da economia é favorável e isso permite à Fed regressar aos aumentos, depois da pausa das últimas reuniões. No último discurso, o presidente da Fed, Ben Bernanke, traçou um retrato positivo do actual estado da economia norte-americana.