Última hora

Última hora

Cancro vitima Loyola de Palacio

Em leitura:

Cancro vitima Loyola de Palacio

Tamanho do texto Aa Aa

Loyola de Palacio, ex-ministra e vice-presidente do governo espanhol, ex-comissária europeia, faleceu, esta quarta-feira, no Hospital Doze de Outubro, em Madrid, vítima de cancro. De Palacio tinha 56 anos. No passado dia 4 de Setembro tinha sido hospitalizada em Houston, nos Estados Unidos para ser submetida a tratamento, mas o quadro clínico da sua doença era bastante complexo, tendo voltado depois a Espanha. Esta quarta-feira, na qualidade de presidente do Conselho da Política Externa do Partido Popular, deveria intervir na conferência sobre política económica e social que decorre até à próxima sexta-feira, em Madrid.

Loyola de Palacio del Valle Lersundi nasceu em 1950, estudou direito em Madrid e iniciou a sua carreira política no PP, onde se tornou secretária-geral técnica da Federação das Associações de Imprensa. Foi eleita senadora e chegou ao governo como ministra da Agricultura, das Pescas e da Alimentação, no executivo de Aznar. Entre 2000 e 2005 foi comissária Europeia para os Transportes e Energia.