Última hora

Última hora

Caso Clearstream leva Dominique de Villepin perante os juízes

Em leitura:

Caso Clearstream leva Dominique de Villepin perante os juízes

Tamanho do texto Aa Aa

Dominique de Villepin compareceu, esta manhã, no pólo financeiro do tribunal de grande instância de Paris para ser ouvido como testemunha pelos dois juízes do caso Clearstream. A audição do primeiro-ministro francês foi autorizada no conselho de ministros do passado dia 06 e segue-se à da ministra da Defesa Michèlle Alliot-Marie e do antigo chefe de governo Jean-Pierre Raffarin. O caso Clearstream envolve a divulgação de uma falsa lista de empresários e políticos que teriam beneficiado do pagamento de comissões encobertas no âmbito de uma venda de fragatas francesas a Taiwan, em 1991.

Primeiro como ministro dos Negócios Estrangeiros e depois como ministro do Interior, de Villepin teve conhecimento da lista, onde constava entre outros o nome do actual candidato à presidência francesa e chefe do partido no poder, Nicolas Sarkozy, e ordenou aos serviços secretos que investigassem o caso.

Verificou-se, posteriormente, que a lista era falsa. Na altura, Sarkozy acusou Villepin e pessoas próximas do presidente Jacques Chirac de orquestrarem uma campanha de difamação para prejudicar a sua candidatura à presidência. Villepin sempre afirmou que não esteve na origem das listas e que se limitou a cumprir o seu dever quando ordenou as investigações ao caso.