Última hora

Última hora

Etiópia ameaça recorrer a todos meios na Somália

Em leitura:

Etiópia ameaça recorrer a todos meios na Somália

Tamanho do texto Aa Aa

A Etiópia envolveu-se directamente no conflito interno da Somália e ameaça recorrer a todos os meios para travar o avanço de forças que considera serem hostis. A aviação etíope bombardeou dois aeroportos, um deles o da capital Mogadíscio. Forças terrestres também envolveram-se em combates com os rebeldes dos Tribunais islâmicos. A declaração de guerra emitida pela Etiópia ameaça dar uma dimensão regional ao conflito.

De um lado, para além da Etiópia, o Quénia e o Uganda apoiam o governo somali de transição, instalado em Baidoa; do outro, próximos do Tribunais Islâmicos estão a Eritreia, o Sudão e o Djibuti. Os Estados Unidos acusam o movimento islâmico de ser apoiado pela organização terrorista al-Qaida.

A União Africana convocou uma reunião de urgência para esta quarta-feira com a Liga Árabe e com os países do leste africano que integram a Autoridade Intergovernamental para o Desenvolvimento. O objectivo e tentar evitar uma escalada da violência militar sem precedentes na região. Entretanto, a Cruz Vermelha e outras organizações não-governamentais já se mobilizaram para auxiliar as milhares de pessoas que tentam escapar à violência.