Última hora

Última hora

Schauble quer autorização para abater aviões sequestrados

Em leitura:

Schauble quer autorização para abater aviões sequestrados

Tamanho do texto Aa Aa

O ministro alemão do Interior Wolfgang Schauble reiterou a vontade de autorizar a força aérea a abater aviões de passageiros desviados por terroristas para impedir uma tragédia maior, como ocorreu no 11 de Setembro.

Para contornar um acórdão do tribunal constitucional que considerou que a medida violaria a lei fundamental, Schauble quer alterar a constituição, criando um estado de “quase-defesa”, o que permitirá recorrer às Forças Armadas em caso de ameaça para a Nação.

Para o porta-voz do SPD para assuntos internos Dieter Wiefelsputz, “a proposta não só não incrementa a segurança como tem o efeito inverso. A terminologia utilizada é dúbia e mistura segurança interna e externa. Schauble parece querer mais poder para o Exército, algo que o SPD considera supérfluo.”

Além dos parceiros de coligação, a maioria das forças políticas com assento parlamentar manifestou oposição à proposta do ministro conservador, que é vista como uma licença para matar inocentes.