Última hora

Última hora

Comunidade internacional prepara força de paz a enviar para a Somália

Em leitura:

Comunidade internacional prepara força de paz a enviar para a Somália

Tamanho do texto Aa Aa

A Etiópia já declarou que está pronta para retirar da Somália, assim que entrar uma força de paz. Essa força está a ser organizada pelo Grupo de Contacto para a Somália, com reuniões a decorrer em Nairobi, no Quénia, e no seio da União Europeia. O primeiro-ministro etíope referiu que o exército do seu país entrou na Somália para proteger as suas fronteiras e lembra também que o Uganda está pronto para enviar uma força de paz para aquele território.

A este país, só falta a aprovação do Parlamento para o envio das tropas. Os Estados Unidos querem também participar na força de paz, para além disso anunciaram o envio de mais 16 milhões de dólares para ajuda humanitária. Na Comissão Europeia, já se revelaram os objectivos da reunião de ontem. Stefano Manservisi refere que “é urgente construir um Estado e eleger um governo legítimo. Gerar o diálogo político interno é a melhor maneira de combater o terrorismo”.

No próximo sábado, as autoridades somalis começam a desarmar as milícias islamitas ainda no terreno. Estima-se que sejam entre dois e três mil na capital, Mogadíscio. A 20 de Dezembro, apoiadas pelo exército etíope, as forças governamentais puseram termo ao domínio dos guerrilheiros islamitas espalhados por quase todo o país.