Última hora

Última hora

iPhone da Apple quer seguir ritmo de vendas do I-pod

Em leitura:

iPhone da Apple quer seguir ritmo de vendas do I-pod

Tamanho do texto Aa Aa

O mundo Apple lança-se à conquista do mercado dos telemóveis. A empresa informática de Steve Jobs apresentou na terça-feira em São Francisco a sua mais recente criação, o iPhone a fusão de um telemóvel com um leitor de música iPod. Dotado de um ecrã táctil, o aparelho com uma capacidade de armazenagem variável entre 4 e 8 gigabites de informação deverá ser posto à venda no mercado norte-americano em Junho por um preço entre 499 dólares e 599 dólares, consoante a versão.

A Europa terá que esperar pelo último trimestre de 2007 para ostentar o último objecto de design da Apple que combina música, vídeo e Internet.

A empresa de Jobs ataca-se assim a um mercado mundial estimado em 957 milhões de telemóveis portáteis. Até 2008 a Apple espera que o I-phone represente 1% do mercado, reforçando a liderança da empresa na indústria do entretenimento. O ano passado a loja de música na internet iTunes vendeu mais de mil e duzentos milhões de títulos.

Música para os ouvidos de Steve Jobs que, depois de vender mais de 70 milhões de leitores iPod em cinco anos, espera agora que o seu novo telemóvel siga o mesmo ritmo de vendas.