Última hora

Última hora

Gordon Brown justifica na Índia polémica em torno do Big Brother inglês

Em leitura:

Gordon Brown justifica na Índia polémica em torno do Big Brother inglês

Tamanho do texto Aa Aa

A polémica em torno da participação da actriz indiana Shilpa Shetty no Big Brother inglês volta a fazer correr muito tinta sobretudo porque o ministro das Finanças britânico, e sucessor de Tony Blair na liderança do Partido Trabalhista, Gordon Brown, está neste momento em visita oficial à Índia. Os ataques racistas a Shetty têm sido muito mal recebidos pela população indiana que aproveitou a visita de Brown para sair à rua.

O ministro viu-se obrigado a referir numa conferência de imprensa com o seu homólogo indiano que “as reacções do público britânico assim como do público e da imprensa indianos em relação ao programa demonstra o compromisso para com os valores de tolerância e de ser justo para com todos os indivíduos” e é uma mensagem que diz ser “inaceitável a prática do racismo e da discriminação.”

A mais recente edição do Big Brother inglês tem sido extremamente criticada pelo comportamento racista de alguns adversários de Shilpa Shetty. Em causa está o tratamento hostil que a concorrente tem recebido apenas por ser natural da Índia e falar inglês com o sotaque do seu país.

A visibilidade que o caso tem tido na Índia deve-se ao facto de a dita candidata ser uma das actrizes mais conhecidas de Bollywood, a famosa indústria cinematográfica indiana. Três dos seus adversários no concurso já lhe dirigiram comentários insultuosos sobre a forma como fala e uma concorrente até se recusa a pronunciar o seu nome, chamando-lhe sempre
“a indiana”.