Última hora

Última hora

Motorola com números em queda

Em leitura:

Motorola com números em queda

Tamanho do texto Aa Aa

Os lucros da Motorola, segundo maior fabricante mundial de telefones móveis, estiveram a caír no último trimestre do ano passado, por causa dos preços mais baixos.

O principal factor tem a ver com os preços de saldo a que foi vendido o modelo Razr, altamente tecnológico, mas prestes a completar dois anos de comercialização. Os telefones mais simples, destinados a mercados emergentes, sofreram também fortes quedas no preço.

Os lucros caíram 48%, relativamente ao mesmo período de 2005, dos 1,2 mil milhões para os 624 milhões de dólares, ou seja, o equivalente a 481 milhões de euros, ao câmbio actual.

A queda foi mais baixa que a prevista. Os mercados tinham já antecipado que os números seriam mais baixos, uma vez que a Motorola tinha lançado um alerta sobre lucros no início deste mês. Isso não impediu uma queda nas acções do grupo.