Última hora

Última hora

Empresas britânicas apostam na ecologia

Em leitura:

Empresas britânicas apostam na ecologia

Tamanho do texto Aa Aa

Londres é uma cidade cada vez mais verde. Não que o Hyde Park tenha sido alargado, mas porque as grandes empresas de distribuição britânicas estão a apostar na ecologia e no chamado comércio justo. A cadeia de supermercados Tesco, número um do sector no país, anunciou uma forte redução dos preços de equipamentos que ajudem a poupar energia e traçou um plano verde para os próximos cinco anos.

Estes esforços não são apenas ecológicos. As empresas sabem que a procura destes produtos está em alta e querem por isso estar na linha da frente. O chamado consumo ético ou consumo responsável representa um mercado de mais de 38 mil milhões de euros. Metade da população britânica é adepta dos produtos ecológicos e do comércio justo.

A Marks and Spencer, outra grande empresa de distribuição, anunciou também um plano ecológico. O grupo vai investir o equivalente a 300 milhões de euros, nos próximos cinco anos, para que as roupas que vende e as embalagens sejam todas biodegradáveis e que o lixo seja reciclável.

Por último, a British Telecom decidiu também entrar na onda ecológica, ao prolongar até 2010 o contrato para comprar energia de fontes não-poluentes.